O que este livro pretende?

O teu Ser não necessita de salvação, mas a tua mente precisa aprender o que é a salvação.
UCEM (T-11.IV.1:3)

Nós já somos iluminados, mas é claro que estamos muito esquecidos de nossa realidade. Este livro pretende ser um assistente na jornada, relembrando, facilitando, auxiliando e demonstrando que ser feliz não é um estado no mundo, um lugar ou um comportamento; ser feliz é saber que estamos no caminho que nos levará para fora do labirinto de ilusões, desmontando o ego e despertando do sonho de separação e sofrimento através da liberação do medo e da culpa.

Para começar, precisamos resgatar o elo aparentemente perdido entre nós e a Inteligência Espiritual, pois sem essa ajuda não conseguiremos lembrar Quem Somos e nem nos libertar das correntes ilusórias do ego, ficando eternamente presos no sonho.

Este pequeno livro está baseado nos princípios de Um Curso em Milagres, uma obra de auto estudo incrivelmente sábia, como um coach poderoso que nos ensina a reconhecer onde estamos e nos torna
aprendizes felizes através do caminho em direção ao nosso despertar.

Despertar é lembrar Quem Somos. Nós já estamos despertos, mas negamos isso firmemente. O UCEM nos faz tomar consciência dessa negação e nos leva a um estado mental desperto, de forma que
podemos viver no mundo real, ou sonho feliz, através do desfazer da culpa.

Nos tornamos aprendizes felizes porque temos uma bússola, ou melhor, um GPS que amorosamente está sempre corrigindo nossa rota. Já não corremos mais o risco de nos perder para sempre nesse labirinto de conflitos; caminhamos com a certeza de que estamos despertando gentil e amorosamente e resgatando o estado de Paz que é nossa herança natural.

Este livro pretende ser um facilitador na compreensão e no estudo do livro Um Curso Em Milagres à medida que você se identificar com meu personagem, deixando claro que existe somente Um Professor, que é a Inteligência Espiritual, ou, como o UCEM chama, o Espírito Santo.

A cura é a liberação do medo de despertar e a sua substituição pela decisão de acordar.
UCEM (T-8.IX.5:1)